Texturas devem ser evitadas em decoração de pequenos espaços

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

- AMIGO + AMIGOS
Preencha todos os campos.
postado em 29/07/2007 13:28
 "Pintura e troca de revestimentos de pisos e paredes e também a iluminação devem ser feitos em primeiro lugar", diz o arquiteto Junior Piacesi
A escolha de materiais de acabamento é outra etapa importante para quem quer decorar pequenos espaços. Denise Macedo recomenda o uso de tons claros para as paredes e diz que as texturas devem ser evitadas. “A cor deve ser introduzida nesses ambientes em detalhes e com muita criatividade. É possível colorir o espaço com um quadro na parede ou uma almofada bonita”, garante. Já Junior Piacesi lembra que o uso de espelhos em salas, quartos e banheiros contribui para a sensação de ampliação do espaço.

Cristina Menezes ressalta que os revestimentos de pisos e paredes demarcam os limites do ambiente. “Se usarmos revestimentos claros no mesmo tom para pisos e paredes, o ambiente perde a demarcação e teremos a sensação de amplitude”, diz.

Outro recurso que ajuda a ampliar os ambientes é a integração de espaços. “Em apartamentos pequenos, é importante evitar as portas e as divisões excessivas de espaços”, observa Denise. Em seus projetos, ela privilegia a integração de cozinhas com salas, em residências familiares, e de cozinhas com salas e quartos, em pequenos apartamentos de solteiros. “Na integração de salas com quartos, podemos usar, em substituição às paredes, os painéis, que abrem e fecham, proporcionando privacidade ao usuário, quando for necessário”, destaca.

Divisórias de vidro foram usadas por Cristina para criar o ambiente de um apartamento de solteiro numa mostra de decoração de Belo Horizonte: “Como tinha espaço reduzido, de 44,50 metros quadrados, optei por integrar ambientes e usar o vidro para separar o banheiro dos outros espaços. Se o banheiro precisasse ser usado, bastava descer a persiana instalada no vidro”.

Materiais alternativos, usados com critério e criatividade, também são boas opções para o acabamento de pequenos ambientes. “Existe hoje uma gama grande de produtos alternativos, que, mesmo sendo mais baratos, proporcionam requinte ao ambiente”, sustenta Denise. Um exemplo, diz a arquiteta, é o cimento branco natado, que pode ser usado em pisos de salas e quartos, com um efeito estético rústico. “Além de ser claro e, portanto, ideal para pequenos espaços, o revestimento é ainda de fácil limpeza. Como recebe uma camada de resina, basta passar um pano úmido para limpar”, ressalta.
Comentários Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação
600

Últimas Notícias

ver todas
18 de junho de 2018
17 de junho de 2018

No Lugar Certo você encontra o que procura