Ambiente com novo visual

Pintura é um recurso muito usado para renovar a casa sem gastar muito dinheiro. Mercado lança produtos que permitem combinar cores com o uso da criatividade

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

- AMIGO + AMIGOS
Preencha todos os campos.
postado em 21/10/2008 19:40
A designer de interiores Valéria Alves lembra que o consumidor deve pensar na relação custo/benefício - Gladyston Rodrigues/AOCUBO FILMES A designer de interiores Valéria Alves lembra que o consumidor deve pensar na relação custo/benefício
Para quem precisa renovar o visual de casa, mas está com o orçamento apertado, uma boa solução é promover uma nova pintura um serviço relativamente barato e rápido. A indústria de tintas é uma das que mais evoluem e, a cada dia, novos produtos são lançados no mercado. São tintas repelentes, sem cheiro, perfumadas, texturizadas, de secagem rápida. Isso sem contar que o recurso permite, como poucos, o uso da criatividade.

"As paredes são planos muito grandes. Por isso, basta usar uma cor em uma delas para promover um impacto significativo na decoração", diz a designer Érica Taguti, consultora de cores da Suvinil, tradicional fabricante de tintas do mercado brasileiro. A designer de interiores Valéria Alves concorda, mas alerta que para alcançar um resultado eficiente é preciso tomar uma série de cuidados.

O primeiro deles é em relação à escolha das cores. "É necessário buscar uma harmonia na composição geral do ambiente. O equilíbrio é fundamental na relação entre os tons de tintas escolhidos e deles com as cores dos outros elementos que compõem a decoração do espaço", ensina.

Ela sugere que, antes de escolher as tintas, o interessado procure saber mais sobre as cores e o efeito que elas causam nas pessoas quando aplicadas em um ambiente. O vermelho, por exemplo, é estimulante. Por isso deve ser usado apenas em detalhes. No caso da pintura, somente em pequenas áreas da parede. O laranja, a cor da saúde, também causa entusiasmo, então, nada melhor que aplicá-lo na pintura de detalhes na cozinha e na sala de jantar, para que as refeições sejam preparadas e consumidas com prazer.

Já o amarelo, garante Valéria, é a cor da sabedoria e da inteligência. Em ambientes de trabalho e estudo, como os home office, ativa as forças, gera alegria e disposição. O verde, em alta na decoração, além de emitir energia, é uma cor associada à saúde e à limpeza. Assim, pode ser usado em qualquer ambiente. "Mas é preciso ter cuidado com a tonalidade e dar preferência aos mais claros e neutros", diz.

O azul é a cor da inspiração, da disponibilidade e ajuda no controle da ansiedade. Suaviza o ambiente e ainda se harmoniza com todas as outras cores. "Só não deve ser usado no teto, porque causa uma sensação desconfortável de rebaixamento", alerta Valéria, ao lembrar que a cor violeta, que remete à saudade e à agonia, gera efeito semelhante, por isso também deve ser evitada nos forros. "Associada ao branco, no entanto, confere ao ambiente uma delicadeza e fica bem em ambientes femininos, como um quarto de menina".

As cores neutras marrom, preto, branco, cinza conferem aos ambientes sofisticação porque valorizam os demais elementos de sua decoração, como quadros, esculturas ou outros adornos. "É interessante usar os tons neutros em texturas. O resultado é elegante e permite também a valorização dos adornos", acrescenta.

Leia a continuação desta matéria no Veja Também
Comentários Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação
600

Últimas Notícias

ver todas
25 de maio de 2018
21 de maio de 2018

No Lugar Certo você encontra o que procura