Mobília para corredores

Eles às vezes são relegados a um segundo plano na decoração da casa, mas, com criatividade, podem se tornar ambientes elegantes e úteis

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

- AMIGO + AMIGOS
Preencha todos os campos.
postado em 21/05/2011 14:30 Joana Gontijo /Lugar Certo
Corredores compridos, em residências ou escritórios, combinam bem com quadros, paredes claras e pisos em tons neutros - Sidney Lopes/EM/D.A Press Corredores compridos, em residências ou escritórios, combinam bem com quadros, paredes claras e pisos em tons neutros

O corredor da casa ou apartamento muitas vezes fica de fora dos planos de reforma ou decoração, e mais fora ainda na hora de escolher a mobília. Isso quando não é uma área de desgosto para os habitantes. Mas não é só porque se fica pouco tempo nele que esse ambiente não merece atenção. Este espaço tantas vezes desprezado pode ser útil, bonito, inusitado, elegante e cheio de charme. E exatamente pelo motivo de ninguém ficar muito tempo aí é que se pode usar e abusar de elementos fortes, que causem grande impacto estético.

O corredor ou circulação é o centro de distribuição do imóvel, diz a designer de interiores Luciana Marra. Por ele se tem acesso, geralmente, à parte íntima de casas ou apartamentos, conduzindo os moradores aos quartos e banheiros. “Encontramos corredores nos hospitais, hotéis, centros comerciais, empresas, supermercados e, nestes locais, sua função passa para setorização, informação e localização. Dentro de uma residência, o corredor possui várias portas, paredes pequenas, e em alguns casos janelas e também escadas. Alguns dão acesso a jardins, áreas de lazer ou halls. Podem ter várias janelas ou varandas, como nas antigas construções ou podem ter também painéis de vidro, vistos nas construções modernas de casas e alguns apartamentos”, afirma Luciana.

A decoração do corredor deve ser confortável, iluminada e prática, continua. Em imóveis que possuem corredores largos, compridos, e até com nichos ou armários, é permitida a colocação de aparadores, adornos, quadros, espaços para uma escrivaninha ou computador, armários de rouparia, louças e utensílios diversos. “Em alguns imóveis o corredor se transforma no estar íntimo e então existe a opção para torná-lo uma sala de TV, escritório e até mesmo um home office ou home theater”.

Nos locais menores, as paredes de cores claras ajudam a criar a sensação de amplitude e, quando combinadas com pisos em tons neutros e claros e uma iluminação indireta, dispensam maiores detalhes, dá a dica Luciana. Se houverem paredes disponíveis, a colocação de quadros com pinturas leves, tipo aquarelas ou gravuras, ou fotos, reforça o efeito íntimo do corredor e cria um ambiente tipo galeria de exposições. Espelhos são excelentes para dar a sensação de serem mais largos ou compridos, orienta. “Já nos espaços privilegiados, com liberdade maior de circulação, a colocação de objetos, plantas naturais, móveis, poltronas ou cadeiras ajudam a criar o efeito intimista do corredor e o uso de cores fortes, até mesmo no teto, produz sensação de aconchego. Podemos abusar de iluminação indireta ou natural (quando houver), e os pisos e revestimentos poderão ser ou não de tons claros ou escuros, pois o espaço permite. A iluminação com balizadores em corredores longos cria um visual bem moderno e diferente”.

A arquiteta Tânia Bertolucci explica que o corredor é um importante centro de distribuição, fazendo a ligação de diversos ambientes e muitas vezes servindo para mostrar que se está saindo de um setor e entrando noutro. “Ele muda o clima. Sinaliza nossa circulação e pode ser um "refresco" entre ambientes distintos. Nas casas mais contemporâneas, onde os espaços são mais interligados, o corredor ganha status de ambiente( pequeno home office sob a escada...) e algumas vezes nem existe, como na maior parte dos lofts”. Para a decoração, Tânia sugere o uso de cores, ou texturas diferentes, criando pontos de interesse visual.

EFEITO

Ela indica o papel de parede que tem fácil manutenção e pode criar um efeito interessante. A arquiteta diz ainda que linhas horizontais alongam o olhar. “Gosto muito de trabalhar com forros rebaixados e iluminação diferenciada, inclusive com balisadores colocados nas paredes, ou apliques com lentes focais, que criam cones de luz. Prateleiras de pouca profundidade podem ser usadas para colocar coleções de fotos, de garrafas, de miniaturas, de qualquer coisa. Coleções são sempre queridas e trazem recordações agradáveis - é bom caminhar entre objetos queridos! Gosto muito de colocar fotos da família, dos gatos, dos amigos, que sempre trazem boas emoções e parecem desejar boas coisas para quem circula. Podemos usar painéis imantados onde podem ficar recados, contas a pagar. Ou usar um revestimento tipo quadro branco onde podemos organizar as tarefas da casa, ou as crianças desenhar a vontade”.

No teto, Tânia prefere gesso para fazer recortes para iluminação, mas indica também usar clarabóias de acrílico, que trazem uma luz difusa e bem agradável, ou madeira, ou fibras naturais. “Para o piso é conveniente usarmos materiais de fácil limpeza e que sejam pouco escorregadios, como laminados, pisos de pvc , ou porcelanatos. Cimento queimado é uma alternativa descolada, principalmente com os pisos cimentícios que tem um aspecto bem bacana”.

Para a designer de interiores Dênia Diniz, os corredores têm grande chance de se tornarem sem graça ou monótonos, já que neles existem muitas portas e podem se transformar somente em áreas de passagem. Por isso, trabalhar com a iluminação cria um efeito interessante e, às vezes, até curioso, sem ocupar espaço da circulação. Para revestimentos de tetos, pisos e paredes, Dênia diz que são inúmeras possibilidades. “No piso, pode-se repetir o revestimento da área social ou da área íntima, forrar com tapetes ou passadeiras, sempre com anti derrapante. Nas paredes, pode-se usar paineis de madeira, papeis de parede, tecidos, repetir o mesmo piso no revestimento de parede, espelhos, plotagens, fotos, quadros. No teto, é indicado buscar dos efeitos de iluminação”.

Tags:

Comentários Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação
600

Últimas Notícias

ver todas
21 de julho de 2019
08 de julho de 2019

No Lugar Certo você encontra o que procura