Almofadas são confortáveis e descontraídas

Primorosas em conforto, elas dão um toque de estilo aos ambientes e o arremate final na decoração

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

- AMIGO + AMIGOS
Preencha todos os campos.
postado em 19/08/2011 16:36 / atualizado em 19/08/2011 16:42 Joana Gontijo /Lugar Certo
A designer de ambientes Ednei Aquino destaca o uso de almofadas para renovar a casa - Eduardo Almeida/RA Studio A designer de ambientes Ednei Aquino destaca o uso de almofadas para renovar a casa

Primorosas em conforto, elas dão um toque de estilo aos ambientes e o arremate final na decoração. Em várias formas, tamanhos e cores, as almofadas facilmente renovam a casa – basta trocar de fronha ou de lugar, sempre com muito luxo. E, além da parte estética, também têm uma função determinada, dependendo de onde estão. Florais, artesanais, de crochê, tricô, bordadas à mão, de seda trabalhada ou não, de sarja, linho, de shantung, jacquard, chenile, listradas, geométricas, personalizadas, mais clássicas ou inusitadas, as possibilidades de escolha são muitas, e agradam a todos os gostos.

Além de camas e sofás , as almofadas são uma ótima pedida para dar um charme a mais àquelas cadeiras e bancos que já estão em casa há algum tempo, renovando o ambiente com pouco investimento, na opinião da designer de ambientes Ednei Aquino. “Hoje temos uma variedade enorme de produtos em todos os segmentos. Na busca da personalização que está em alta, vale customizar, arriscar, até porque as almofadas são fáceis de serem trocadas e têm alto poder de valorizar e enriquecer o espaço. Os modelos mais divertidos caem bem em uma decoração moderna, pois quem faz opção por uma leitura contemporânea em geral vê no despojado uma sinuosidade que dá aconchego”, diz.

Veja mais fotos de almofadas

Para Ednei, as almofadas podem tornar os locais mais descontraídos, românticos, elegantes, chiques, enfim, elas reforçam um estilo ou introduzem algum contraponto, conferindo o novo ar desejado. Quando se fala em sofá, a cor predominante e o conjunto do ambiente determinarão o papel das almofadas, continua a designer. “Por exemplo, se queremos uma ambiente mais neutro, ficaremos nos sobretons, reforçando a gama do sofá, com tons acima e abaixo dessa cor. Se queremos um ar mais arrojado sem um compromisso duradouro, ao invés de ousarmos na cor do sofá, fazemos isso com as almofadas, e aí valem as cores vibrantes, texturas, estampas variadas aplicadas sobre a neutralidade dos móveis e revestimentos. No caso dos quartos, ocorre o mesmo, embora a possibilidade de fazer composês de estampas e cores ocorra com mais frequência, em função dos vários cobreleitos e o uso mais frequente de cortinas de tecido”.

Leia mais:
Clássicas ou divertidas, almofadas são uma opção versátil para decorar

A designer de interiores Maria Margareth Lopes Lemes diz que as almofadas transmitem aconchego, apelo estético, conforto. Entre os materiais para a fabricação, a designer cita fibra de poliéster, fibra plumada, fibra siliconizada ou silicone. Para casar as cores e os temas delas com o restante da decoração, Margareth afirma que o contraste é fundamental. “Evite combinar as cores das almofadas com a cor do objeto – cama, sofá, cadeira. Prefira os tons que estejam presentes no restante das cores do ambiente. Para um estilo moderno, escolha os modelos mais retos, geométricos, listrados. Em um projeto mais clássico, caem bem os florais, as estampas de onça, seda, chenille, veludo. Em espaços ecléticos, vale misturar”.

ADORNOS

Como explica a arquiteta Mariana Leite, dependendo da proposta, as almofadas e futons podem ser usados até mesmo no chão, conferindo um clima despojado. “Todos os modelos e estampas são permitidos. Florais e listras são elegantes e mais tradicionais. Mas para quem gosta de ousar um pouco mais, há uma grande diversidades de cores e estampas super originais que vão desde desenhos geométricos até imagens de bichos e colagens. Se você escolhe cores mais escuras, o ambiente fica mais sóbrio. Ao escolher cores vivas, você torna seu espaço mais alegre. Tons pastéis são sempre de bom gosto, mas se não forem escolhidos com cuidado, podem deixar o ambiente sem personalidade. O importante é lembrar que são as almofadas e adornos que vão dar o tom do ambiente, já que geralmente os móveis são personagens neutros”, pontua. Mariana dá a dica de escolher produtos com capa que, além de poder sair para lavar, também pode ser trocada e criar uma almofada nova. “As almofadas também podem ser usadas em áreas externas, desde que sejam de tecido impermeável, resistente à intempéries, como o acrílico. Existem hoje no mercado inúmeras opções de cores e estampas com este tipo de material. É bastante fácil de encontrar”, completa a arquiteta.

Tags: conforto

Comentários Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação
600

Últimas Notícias

ver todas
10 de abril de 2019
02 de março de 2019

No Lugar Certo você encontra o que procura