Coleção de milhares de bolas e enfeites natalinos chama a atenção no País de Gales

Idosa de 70 anos tem mais de 1,7 objetos e começa a decorar a casa em setembro. Peças estão avaliadas em mais de R$ 60 mil

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

- AMIGO + AMIGOS
Preencha todos os campos.
postado em 06/12/2012 13:18 / atualizado em 06/12/2012 14:38 Joana Gontijo /Lugar Certo
Wales News Service/Reprodução

A partir de setembro, já iniciam os preparativos para receber o Natal na casa de Sylvia Pope, uma senhora de 70 anos que vive na comunidade de Morriston, em Swansea, no País de Gales. É o mês em que ela começa a decorar o imóvel com a enorme coleção de enfeites natalinos, que compreende mais de mil bolas e outros objetos cintilantes.

Veja mais fotos da coleção

A tarefa demanda tempo. Sylvia fica durante alguns meses ocupada em pendurar os 1.750 enfeites, que coloca a maioria no teto da sala de estar, onde eles ficarão até o início do ano que vem. No total, os itens que compõem sua decoração natalina estão avaliados em £20 mil, mais de R$ 67 mil. Os ornamentos, alguns dos quais custam quase R$ 50, provêm de diversos locais do mundo, que vão do Egito e da Grécia até os Estados Unidos.

Em entrevista ao site do jornal britânico Daily Mail, Mail Online, Sylvia conta que começou a coleção em 1999. “Eu amo meus enfeites, e todo mundo sorri quando vê a quantidade deles, todos pendurados na sala. A coleção é tão grande que tenho que começar a colocar as bolas em setembro – e elas ficarão até março”, diz.

As bugingangas são variadas, incluindo um ônibus vermelho de Londres, um táxi de Nova York, aviões, um telefone à moda antiga, helicópteros, animais, e até mesmo uma lata de Coca. Sylvia gasta cerca de R$ 330 por ano para comprar novos enfeites e visita mercados e feiras em busca de novidades. A dona de casa também recebe objetos comprados por amigos em viagens de férias, e ainda detém peças vindas de lojas famosas. “Eu fico até com pena quando vou retirá-los. Algumas pessoas têm me perguntado por que não deixá-los por todo o ano”, diz.

As bolas cintilantes não cabem em uma árvore de Natal tradicional, por isso são penduradas no teto. Todas as vezes que os enfeites são retirados, Sylvia tem que redecorar a cobertura com nova pintura, já que ficam inúmeros buracos, acrescenta. A decoração é motivo de diversão entre a família e gera muita brincadeira entre a avó e seus netos. “A única desvantagem é que os enfeites ficam muito empoeirados, mas são sempre o assunto principal quando recebo visitantes, que só acreditam vendo. Pretendo continuar a acumular tantas bugingangas quanto posso, e por enquanto eu posso. Elas são brilhantes”, finaliza Sylvia, na reportagem do Mail Online.

Tags: coleção,

Comentários Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação
600

Últimas Notícias

ver todas
25 de maio de 2018
21 de maio de 2018

No Lugar Certo você encontra o que procura