Projeto paisagístico de Burle Marx é retomado no Eixo Monumental, em Brasília

Copa do mundo pode colocar projeto em prática

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

- AMIGO + AMIGOS
Preencha todos os campos.
postado em 19/03/2013 10:30 / atualizado em 19/03/2013 10:37 Redação Lugar Certo DF /Correio Braziliense

Eixo Monumental: autorizados quatro poços artesianos para os espelhos d´agua previstos no projeto paisagístico - Divulgação Eixo Monumental: autorizados quatro poços artesianos para os espelhos d´agua previstos no projeto paisagístico
Por Almiro Marcos

A implantação de um projeto paisagístico de Burle Marx no meio do Eixo Monumental, entre a Torre de TV e a Rodoviária do Plano Piloto, deu mais um passo esta semana. Foi publicada, na edição desta segunda-feira do Diário Oficial do Distrito Federal, autorização da Agência Reguladora de Águas, Energia e Saneamento Básico (Adasa) para que a Companhia Urbanizadora da Nova Capital (Novacap) faça a perfuração de quatro poços artesianos para irrigar vegetação e abastecer os espelhos d’água que serão criados. As obras fazem parte da revitalização de parte da região central de Brasília com vistas à Copa do Mundo de 2014.

O projeto original do paisagista Roberto Burle Marx, datado da década de 1960, previa a criação de um espaço de convivência arborizado entre a Torre de TV e a Rodoviária, ao longo do canteiro central. Com a vinda do maior torneio esportivo do planeta para o país e para a capital, o plano foi retomado. “Estamos fazendo um resgate da ideia original. Será uma área de convívio a mais para ser visitada durante a competição, até pela sua proximidade com o setor hoteleiro e com o Estádio Nacional Mané Garrincha, mas também ficará como um legado para a cidade”, disse o secretário extraordinário do GDF para a Copa, Cláudio Monteiro.
Comentários Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação
600

Últimas Notícias

ver todas
08 de julho de 2019
02 de julho de 2019