Casa Cor acontece pela primeira vez em imóvel de Niemeyer; conheça os ambientes da mostra em BH em 2013

Desde sábado, os visitantes podem conferir propostas criativas e com a personalidade do modernismo na Pampulha

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

- AMIGO + AMIGOS
Preencha todos os campos.
postado em 23/09/2013 12:57 / atualizado em 18/10/2013 10:25 Feminino&Masculino /Estado de Minas
A 19ª edição da Casa Cor Minas teve início nesse sábado em BH, com um cumprimento ao modernismo de Oscar Niemeyer, na volta à Pampulha. A residência projetada pelo arquiteto em 1954 para a família Dalva Simão é o cenário perfeito para a realização do evento, que ganha um tom menos monumental e retorna às raízes, intimista e criativo. Em pouco mais de 30 ambientes distribuídos em 5 mil m², os profissionais participantes tiveram o cuidado em intervir o mínimo na estrutura existente, já que o imóvel é tombado, e se apresentam nos móveis, objetos de arte e adorno, texturas, cores, tecidos e revestimentos, em concepções estéticas e ambientais mais livres e despreocupadas. A arquitetura da casa, por sua vez, aparece como grande protagonista, revela diversas surpresas durante o percurso, lembrando a genialidade das curvas de Oscar, e confere ao evento o prumo central, que aparece criando identidade entre todos os espaços.

(Introdução por Joana Gontijo)

Acesse a galeria e veja as fotos da Casa Cor MG 2013!

Conheça agora os projetos que compõem a mostra:

Casa do Jardim
Luis Fábio Rezende

Sidney Lopes/EM/D.A Press

Construída nos jardins, funciona como anexo de lazer da casa principal. Espaço de diversão, interação e relaxamento, com total integração à natureza. Na edificação, além do hall de entrada, há um grande living, uma sala de jantar, um lavabo, um gourmet e uma deliciosa varanda que serve de mirante para os jardins. Descontraída e sofisticada, a decoração mistura peças clássicas com mobiliário, revestimentos e iluminação contemporânea. Entre as cores, mix de texturas e estampas em verde azeitona e açafrão.

Jardim
Carla e Marina Pimentel

Sidney Lopes/EM/D.A Press

Em 1200 m², as profissionais inspiraram-se no início da arquitetura paisagística moderna no Brasil, por volta aos anos 1950, para criar os desenhos e as formas do espaço. À época, o paisagismo enfatizava a tropicalidade do país de maneira simples e singela. Também há obras de artistas plásticos da época, parceiros e amigos de Niemeyer e Burle Marx. Entre jogos de textura e cores, linhas retas e curvas, destaque para área de convivência com piso ecológico e balanços em madeira, banheira spa e deck.

Ateliê gourmand
Denise Vilela

Sidney Lopes/EM/D.A Press

Espaço para o preparo de refeições prazerosas e receber convidados, é independente da casa e foi idealizado para um gourmand mineiro. A atmosfera lembra as cozinhas das fazendas do interior, porém em leitura contemporânea e funcional: uma bancada abriga o forno de pizza, churrasqueira, fogão a lenha, cooktop, forno elétrico, adega, geladeira, freezer e bojo da pia, tudo revestido em cimento vermelho e amarelo. Há, ainda, uma mesa grande com 10 cadeiras e uma poltrona, além de parede em vidro.

Espaço gourmet
Ana Andrea Barra e Norma Guimarães

Sidney Lopes/EM/D.A Press

Criado para agregar pessoas em uma única mesa coletiva, talhada em madeira de demolição, o espaço gourmet foi elaborado a partir do conceito sustentável. A estrutura, feita em placas de concreto laminar, mesma matéria-prima da grande bancada (revestida em superfície de quartzo de linha eco), será reaproveitada. A fim de valorizar o verde do entorno, as profissionais usaram aberturas envidraçadas. Outro diferencial é a utilização de peças de design assinadas por artistas nacionais.

Sala de música J. Quest
Graziela Costa, Erika Steckelberg, Kivia Costa e Zuleica Lombardi

Sidney Lopes/EM/D.A Press

Fazendo parceria e homenagem à banda mineira J. Quest, as profissionais afirmam que além do horizonte da Pampulha existe uma sala onde a música é a estrela. Focada na mistura de cores e na escolha personalizada de materiais (já que a diversidade humana prova que somos todos diferentes), abriga ideias e estilo, objetivando levar o visitante a liberar a mente. A proposta é unir os dois mundos, arquitetura e música, e propor que todos dancem enquanto é tempo.

Cinema
Carico

Sidney Lopes/EM/D.A Press

O novo home theater é o cinema em casa. Para provar, o profissional apostou no conforto de um mobiliário desenhado e desenvolvido para dar a sensação de realmente estar em uma sessão de cinema. Destaque ainda para o tratamento acústico impecável e a tecnologia de ponta empregada para a montagem de uma sala de cinema doméstica: o aparato tecnológico é variado e consegue atender os mais exigentes cinéfilos aos amantes do entretenimento.

Sala de jantar
Flávia Roscoe e Cláudia Roscoe

Leandro Couri/EM/D.A Press

A restauração do piso de jacarandá e do painel em pinho-de-riga objetivaram preservar a memória que o espaço carrega. A partir de tal característica, todas as obras de arte, mobiliário e objetos escolhidos trazem uma história e marcam um determinado momento, convidando o visitante a ir além da estética. A mesa e a luminária pendente têm linguagem contemporânea e arrojada, também presente nas obras de Eduardo Sued, Bruno Giorgi e Tunga, que nos contam um pouco da história da arte do último século.

Jardins de entrada, da piscina e varanda
Anaine Vieira Pitchon

Leandro Couri/EM/D.A Press

Os jardins de entrada da piscina e da varanda da casa foram inspirados na arquitetura e paisagismo dos anos 1950. O projeto original foi decisivo para iniciar a concepção através de linhas fluidas e massas de cores. Seguindo o clima do lugar, a profissional buscou a integração e a harmonia dos espaços, enfatizados com o uso da cor púrpura, estendendo os tons do paisagismo ao piso da varanda, além de fazer uso de materiais naturais como pedra e madeira. O resultado representa um mix equilibrado de design, mobiliário e obras de arte. Destaque para a peça A montanha, do escultor Bruno Giorgi. Esses elementos em conjunto atenuam proporcionalmente o limite entre a arquitetura e a natureza, dando a cada ambiente uma sensação própria. Neste cenário, a iluminação se mistura à paisagem criando espaços integrados de convívio e contemplação.
Leandro Couri/EM/D.A Press

Living
Lena Pinheiro

Leandro Couri/EM/D.A Press

A profissional diz estar realizando um sonho: o privilégio de decorar o living da casa projetada por Oscar Niemeyer. Para o projeto, teve a ideia de manter o visual e a integração do espaço com a área externa, mantendo os acabamentos do desenho original. Além de preservar a concepção de Niemeyer, a decoração mescla mobiliário moderno, reeditado e assinado por vários designers, a peças totalmente contemporâneas.

Escritório
Ana Lúcia Rodarte

Leandro Couri/EM/D.A Press

Um escritório em homenagem à arquitetura da casa. Com peças modernas e icônicas, a valorização do espaço é a motivação número um da profissional. Com aproximadamente 20 metros quadrados, o ambiente contará com fotos de obras da arquitetura brasileira, além de uma chaise inspirada nos traços da casa. Todo o espaço foi cuidadosamente pensado para agradar aos amantes da arquitetura e de sua história. A ideia é propor uma deliciosa viagem no tempo.

Leia a continuação desta matéria com os outros ambientes:
Espaços da Casa Cor MG 2013 unem a genialidade de Niemeyer a propostas criativas e cheias de estilo


Quarto da jovem fotógrafa
Fabíola Constantino Ferreira e Patrícia Pires Lage

Leandro Couri/EM/D.A Press

As arquitetas mantiveram a proposta de Niemeyer, que criou um quarto com uma varanda com piso em mármore e janela que permitem a entrada da luz natural em todo o ambiente. Para atender as necessidades de uma jovem que tem a fotografia como hobby há espaços bem definidos e pontuados por cores, iluminação e mobiliário funcional. A intenção é acolher a moradora, deixando que suas lembranças e objetos estejam sempre por perto, numa integração entre praticidade e estética.

Quarto masculino
Danielle Bellini e Luis Gustavo Bellini

Leandro Couri/EM/D.A Press

Em homenagem ao músico mineiro Flávio Venturini, trata-se de um projeto contemporâneo, que busca uma fusão de épocas distintas. Todos os móveis foram especialmente desenhados para o ambiente. O sistema de automação oferece recursos para a criação de cenários de iluminação, permitindo controlar luzes e aparelhos elétricos a distância. Obras da artista plástica Mônica Sartori dão ar sofisticado ao projeto. A intensidade de cores das pinturas de Ricardo Homem imprime caráter vibrante ao espaço.

Ateliê da cozinheira
Bruna Paz, Manuela Lolato e Marcela Menin

Leandro Couri/EM/D.A Press

Espaço de confraternização entre amigos, o ateliê da cozinheira é um ambiente interativo em que as paredes foram pintadas com tinta acrílica especial para receber receitas. As prateleiras e a mesa, desenhadas pelas arquitetas, são em compensado prensado com lâmina de freijó lavado. A bancada é em pedra-sabão. A iluminação flexível e o mobiliário despojado completam a proposta de um ambiente aconchegante.

Quarto do bebê
Flávia Zambelli

Leandro Couri/EM/D.A Press

Em parceria com fábrica de móveis de estilo clássico, a profissional teve a intenção clara de provocar sentimentos de nobreza e romantismo. As texturas trabalhadas em tons pastel mesclados ao dourado bem suave harmonizam-se com o mobiliário de estilo, com destaque para o berço de ferro com acabamento dourado. A iluminação indireta, mix de cristais e ouro envelhecido marca pontos específicos. A intenção é provocar emoções, resgatar histórias, despertar os mais nobres sentimentos em torno de uma nova vida.

Suíte do casal
Eduarda Corrêa

Leandro Couri/EM/D.A Press

Os elementos presentes fazem homenagem ao design mais antigo, de outros tempos, mas com uma linguagem contemporânea. Foi criado um painel com imagens características dos anos 1950, e outro curvo e com ripas de madeira em referência à arquitetura da casa. A profissional apostou ainda em obras de artes pertencentes a um colecionador particular, dando ênfase a artistas de renome internacional de décadas passadas.

Sala do cobogó
Natacha Nascif e Juliana Couri

Leandro Couri/EM/D.A Press

A antiga área de serviço da residência foi trabalhada de modo a valorizar a arquitetura de Oscar Niemeyer, que usou no espaço uma encantadora parede de cobogó (elemento vazado) por onde entra uma luz linda e filtrada durante o dia. Comprido e estreito, todo o ambiente foi coberto com cor vermelha e não recebeu muitos elementos decorativos e/ou mobiliário no intuito de valorizar ainda mais o original detalhe arquitetônico.

Home office
Ana Paula Carneiro

Leandro Couri/EM/D.A Press

A evolução da sociedade, o avanço da tecnologia e a busca pela mobilidade urbana são fatores responsáveis por inúmeras mudanças no nosso cotidiano e entre elas, uma que está sendo cada vez mais comum é o chamado home office, usado por aqueles que buscam a otimização do tempo, seja por poder passar mais tempo com a família, com os amigos, ter a possibilidade da prática de exercícios físicos ou uma alimentação mais saudável, em geral é a busca por qualidade de vida.

Garagem
Andrea Buratto

Leandro Couri/EM/D.A Press

No lugar da garagem, a profissional criou um loft para o homem moderno. Disposto em sala de estar, espaço gourmet e área de descanso, o ambiente, predominantemente masculino, é composto por cores sóbrias e bem distribuídas. Destaque para o uso de elementos usuais aproveitados de forma inusitada, como o painel em ladrilho hidráulico que dá origem a um quadro e contrasta com mobiliário assinado por Sergio Rodrigues. Dinâmico e jovem, o loft foi projetado para ser multifuncional.

Expediente
Editora: Anna Marina Siqueira
Textos: Laura Valente
Fotos: Sidney Lopes e Leandro Couri
Editor de artes gráficas: Álvaro Duarte
Diagramador: Roberto Fialho

Servico
Local: Alameda das Palmeiras, 444– Bairro São Luiz
Data: 21 de setembro a 29 de outubro
Horário de funcionamento: de quarta a sexta-feira das 16h às 22h; sábado das 13h às 22h; domingo e feriado das 13h às 19h
Ingressos: R$ 50 (idosos e estudantes pagam meia-entrada).
Assinantes do Clube A do Estado de Minas têm 20% de desconto.
Informações: www.casacorminas.com.br
Comentários Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação
600

Últimas Notícias

ver todas
08 de julho de 2019
02 de julho de 2019

No Lugar Certo você encontra o que procura