Abaixo o branco

Banheiros saem do branco e ganham cores na mais nova tendência da decoração

Projetos dão destaque e põem fim ao ambiente neutro e frio. O color blocking é sinal de descontração, alegria, humor e quebra a monotonia do espaço

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

- AMIGO + AMIGOS
Preencha todos os campos.
postado em 07/10/2013 08:00 / atualizado em 07/10/2013 11:05 Lilian Monteiro /Estado de Minas
Projetos de Fabiana Visacro e Laura Santos, no Morar Mais por Menos, destacam o azul e o verde  - Henrique Queiroga/Divulgação Projetos de Fabiana Visacro e Laura Santos, no Morar Mais por Menos, destacam o azul e o verde

Henrique Queiroga/Divulgação
Decoração segue tendência. A última novidade é o banheiro colorido. Nada mais ultrapassado do que o branco total. O ambiente claro e que remete à sensação de limpeza não é mais uma exigência. Agora, entra em cena o vermelho, o verde, o azul, o preto, o amarelo, o roxo, o rosa… É isso mesmo. Não tenha medo de ousar. As cores deixam o tradicional branco de lado e com bom gosto é possível criar um espaço divertido e aconchegante.

Quase sempre posto para escanteio, o toque colorido torna o banheiro agradável e acolhedor. Atentas a essa tendência, as designers de interiores Fabiana Visacro e Laura Santos, do escritório VS Design, têm no portfólio projetos requintados. Mas, para investir nessa moda, Laura explica que há uma regra inegociável para não ficar over: mesclar as cores. Ou seja, harmonia entre tons claros e fortes para que a ideia de um banheiro despojado e moderno não fique ruim. “Pode usar a cor nos revestimentos de parede, piso e bancada. Se a parede é de impacto, cor forte, a bancada será clara para criar equilíbrio e harmonia. O mesmo raciocínio se for o contrário. Bancada preta, revestimento claro. A leveza tem de aparecer para contrapor.”


Laura afirma que qualquer cor cabe no banheiro. As campeãs são a verde, azul e vermelha. A tendência é o azul cobalto, dourado, verde-turquesa e cinza (concreto). “É possível ter no projeto o contraste de cores fortes, mas que vão aparecer em detalhes da bancada, parede, em pastilhas… O restante tem de ser claro.” Independentemente do tamanho, a cor se encaixa em qualquer banheiro. Mas a designer lembra que, dependendo da medida do apartamento (cada vez mais compactos), a saída é usar espelho para rebater a iluminação (às vezes, até encostar no boxe). Para os maiores, a liberdade é total para abusar das cores, ainda mais para os ambientes que têm luz natural. “O legal é trabalhar de acordo com a medida, a proporção de cada espaço.”

Quanto às cores vibrantes, Laura avisa para ter cuidado, já que podem cansar. Se há dúvida quanto à decoração, ela avisa que o banheiro é um ambiente independente, não precisa seguir a da casa. Agora, se está insegura, a designer recomenda ir aos poucos. “A cor pode aparecer nos armários de madeira ou laca e, se não quiser quebradeira, o toque pode vir com a fórmica ou ainda nos adornos (quadros), nas flores (orquídeas), nos acessórios de banheiro, na cuba de vidro colorida.” Outra dica bacana é que a cor pode ser incorporada ou realçada a partir da iluminação diferente. “Um ponto de luz, um pendente. Fica lindo uma luminária de cristal colorido, simples de instalar, que vai dar charme e colorir o banheiro de forma delicada.”

Como inspiração, Laura e Fabiana criaram para a última mostra Morar mais por menos uma sala de banho de extremo bom gosto. A cor base foi a cinza, considerada na decoração o novo branco, já que realça as outras cores, preenche o espaço com personalidade e o torna aconchegante. “O azul inspira bem- estar. É uma tonalidade que traz tranquilidade, acalma e é bonita. Aliás, junto com o cinza, o azul-cobalto, tendência lançada este ano em Milão, forma um conjunto harmônico que quebra a monotonia. Colocamos ainda uma bancada rosa, que alegra o ambiente, e um orquidário suspenso.”

EPÓXI
Cores escuras conferem contraste e criam um ambiente aconchegante
 - Gabriel Castro/Divulgação Cores escuras conferem contraste e criam um ambiente aconchegante

O arquiteto e fotógrafo Gabriel Castro reforça que cores são sempre bem-vindas, inclusive no banheiro. Para ele, alguns materiais são interessantes para adicionar cor. Ele indica o epóxi, um tipo de pintura industrial resistente, que possibilita o uso de cores sólidas e pode revestir tanto piso quanto parede. E o cimento natado (queimado), outra técnica tradicional, que pode ganhar cores com a adição de pigmentos. “Novos materiais também são importantes. Pisos vinílicos de PVC podem incrementar com o aconchego da cor e a textura da madeira.” Gabriel faz uma observação importante: “Para ter um banheiro agradável, colorido e elegante, é essencial evitar o excesso de variedade de material. No mundo de hoje, a simplicidade é considerada cada vez mais chique”.
Henrique Queiroga/Divulgação
Comentários Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação
600
 
Ferdinando - 07 de Outubro às 17:06
No final diz: %u201CPara ter um banheiro agradável, colorido e elegante, é essencial evitar o excesso de variedade de material. No mundo de hoje, a simplicidade é considerada cada vez mais chique%u201D. Daí mostra este banheiro empapuçado de elementos diversos...

Últimas Notícias

ver todas
02 de julho de 2018
19 de junho de 2018

No Lugar Certo você encontra o que procura