Participações de peso

Designer convida para evento em BH que reúne arte, artesanato, decoração, moda e gastronomia

Com a Quermesse da Mary, Mary Arantes apresenta ao público produtos para todos os gostos e bolsos. Neste fim de semana, ela abre as portas do antigo showroom com opções cheias de estilo e história

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

- AMIGO + AMIGOS
Preencha todos os campos.
postado em 10/11/2017 14:43 / atualizado em 10/11/2017 17:37 Joana Gontijo /Lugar Certo
Asas da Terra. Kok Nature, Sônia Ledik e Passarim - Divulgação Asas da Terra. Kok Nature, Sônia Ledik e Passarim

A criatividade em detalhes, a arte celebrada em todos os seus domínios, o fazer que nasce de dentro para fora e reverbera pela alma para aflorar o belo. O ofício que carrega histórias, a inventividade traduzida em cada peça. A menina que corria descalça, brincava de bonecas e não imaginava como seria morar em uma cidade grande, desde cedo vivia curiosa e atenta. A percepção da produção popular, do artesanato e da cultura indígena, esteve sempre intensa em seu imaginário. Do pai alfaiate, ela lembra da convivência com os tecidos, a costura, o bordado, a linha e a agulha. Não sabia, mas era essa experiência que lhe daria uma profissão, depois que chegou a Belo Horizonte aos 12 anos, saída do Vale do Jequitinhonha. Passadas décadas, o trabalho com design virou sobrenome e o percurso na moda mostra uma carreira com caminhos diversificados, em um rico passeio pelo que essa área possibilita por diferentes vertentes. Afinal, o jeito de se vestir foi o que primeiro lhe pareceu uma maneira de se destacar dos demais, criando um estilo peculiar.

Mobri, Tutu, Panoletos e Luís Matuto - Divulgação Mobri, Tutu, Panoletos e Luís Matuto

Evas do Paraíso, A Fabriqueta, Estúdio Iludi e Jardinarium - Divulgação Evas do Paraíso, A Fabriqueta, Estúdio Iludi e Jardinarium

"O começo no interior marcou a minha história. Tudo o que eu sei e o que eu faço aprendi lá. Vim de um lugar extremamente pobre, não tinha livros para ler, mas tinha personagens extremamente ricos à minha volta, como a mulher que trabalhava o barro, o homem que preparava a festa de São João. Tinha ainda as feiras populares, os burrinhos, as frutas. Tudo isso virou a minha cartela de cor, as minhas referências", rememora Mary Arantes, a designer de roupas e bijuterias à frente da marca Mary Design. Agora com 34 anos de atuação no setor, ela já se tornou um dos maiores nomes da moda em Minas Gerais, no Brasil, e com reconhecimento também no exterior.

Aluízio Casa, Ventura Design, Toffanetto Alfaiataria e Customizar  - Divulgação Aluízio Casa, Ventura Design, Toffanetto Alfaiataria e Customizar

Criado em Apartamento, Tênue Origami, Pelicano e Uma Floricultura - Divulgação Criado em Apartamento, Tênue Origami, Pelicano e Uma Floricultura

Neste fim de semana, Mary abre a portas de seu antigo showroom na capital mineira e convida a todos para a 6ª edição da Quermesse, especial para o Natal, reunindo mais de 60 expositores que apresentarão elementos de moda, design, decoração, gastronomia, arte e artesanato. "Essa será a maior quermesse já realizada. Vai ocupar a casa inteira. Depois de uma curadoria severa, selecionei os participantes a dedo, e o cliente já vai encontrar tudo pinçado. Basta fazer a opção que mais o agrade", ressalta.

Emoção, cultura, solidariedade e amor a próximo

Dentista por formação, Mary costuma dizer que ninguém compra um produto, mas um contexto, uma emoção. "Quem o veste incorpora isso. E eu achava que já tinha gente demais fazendo o igual. Então, procurei o caminho mais difícil, o feito à mão, o complicado. Resolvi trabalhar temas nacionais, levantar bandeiras e questões que precisam ser revistas. A intenção é valorizar os que fazem arte e artesanato. Se não houver incentivo, as pessoas não buscam aprender. Quando você investe naquilo, acaba proliferando", afirma. Desde o início do ano, ela vem encerrando as atividades da loja, mas o trabalho parece infinito. Mesmo depois dos bazares de despedida, nessa quermesse estarão à venda produtos ainda em estoque, além de lançamentos exclusivos para o evento. Os clientes agradecem.


A artista desenvolveu durante 14 anos o Bazarte, em parceria com o amigo Paulo Rossi, um bazar beneficente que ajudava instituições como a Apae, o Núcleo Assistencial Caminhos para Jesus, a Fundação Terra Arcoverde, a Fundamigo, e em paralelo foi curadora do Minas Trend Preview e integrante do Sebrae. "Tinha todo um embasamento técnico para fazer melhorar a qualidade do artesanato. Viajei pelo Brasil, inclusive à Amazônia, onde aprendi novas técnicas, e incorporava minhas vivências nas peças", conta Mary, cujas criações primam pela riqueza de materiais. "Então, adquiri uma bagagem que direciona meu olhar - não é simplesmente trazer o artesão, mas fazer com que ele se projete no mundo, seja valorizado. Quem gosta desse trabalho muitas vezes demoraria anos para ter contato com esse tipo de obras. Assim, funciono como uma facilitadora".

Cardápio recheado de opções

Cumbuca, EcoLamps, Flor de Mim e Cacau Rocks - Divulgação Cumbuca, EcoLamps, Flor de Mim e Cacau Rocks

Bonecaria.com e Piccola - Divulgação Bonecaria.com e Piccola

Na véspera do evento, ela não esconde a ansiedade, e convoca o público para conferir as composições de artistas talentosos, escolhidos criteriosamente para participar da quermesse, já mirando as comemorações de fim de ano. Cheia de novidades, a ideia é ser um programa para toda a família. A seleção dos expositores contempla inclusive os públicos infantil e masculino, que costumam ser os mais difíceis na hora de encontrar presentes diferentes.

Mirabilia Bordados e A Dona de Casa - Divulgação Mirabilia Bordados e A Dona de Casa

Benedita Acessórios, Cátia Magalhães, Juli Buli e e Trama Atelier - Divulgação Benedita Acessórios, Cátia Magalhães, Juli Buli e e Trama Atelier

Com atividades extras, como o brechó e a garage fail (uma espécie de venda de garagem em que são disponibilizadas peças não mais usadas para outras pessoas, com preços acessíveis, renovando a energia e reciclando o que está parado, nas palavras de Mary), e ainda um espaço de bar, estão entre as opções da quermesse: roupas bordadas para várias gerações de mulheres e alfaiataria masculina; objetos de decoração, funcionais, resistentes e elegantes, em concreto; cerâmica; itens decorativos como flores em tela de arame, castiçais, imagens sacras, canteiros, vasos e telas, em placas de aço e ferro, madeira, chita e outros; luminárias; utilitários em tecido e em madeira de reflorestamento com aplicação de fotografias; acessórios feitos à mão; produtos naturais e veganos em cosméticos para cuidado diário; pedras decorativas com imagens desenhadas; joalheria em prata; broches; bonecos e briquedos, como os feitos em dobradura de papelão ou monstrinhos; produtos de ecodesign concebidos a partir da revitalização de materiais e objetos já sem uso; itens para jardinagem em apartamentos; trabalhos manuais em marcenaria voltados para o mundo digital; objetos de iluminação reutilizados com desenho especial; bordados com linhas, miçangas, vidrilhos e tules; latas estilizadas; artigos de papelaria, como planejadores, diários, cadernos e cartões; gravuras; telas bordadas com figuras de BH; pratos pintados à mão; cachepôs, plantas ornamentais e flores; bolsas em pano e tramas; kokedamas, técnica japonesa de cultivo de plantas em bolas de musgo; mini esculturas em madeira e outras em pano imitando corações; gravatas e carteiras; camisas e capas para celular ; sapatos infantis; perfumaria e saboneteria; artigos para presente em papel inspirados na natureza e nos pássaros; garrafas, copos customizados e vidros ilustrados; fragrâncias e essências para a casa; móveis em marcenaria; pintura em porcelana e louças coloridas; origamis; artigos em tipografia. No leque das ofertas culinárias, conservas agridoces frescas, temperos e geleias, massas e pé de moleque artesanais, sucos, quiches e um drinque exclusivo.

Gaby Aragão, Juvenal AD, Quintal 71 e Pacha Mama - Divulgação Gaby Aragão, Juvenal AD, Quintal 71 e Pacha Mama

Mary Arantes diz que encara a moda como uma forma de ter autoestima, e não se enquadra em padrões. "É como seu eu fosse contra uma corrente, que acha que moda é glamour, passarela, ser magra. Eu gosto mais da moda comportamento, que tem um pouco de dor, muito trabalho, não é só beleza, é emoção, é memória. Quando entrei nesse mundo, pus na cabeça que a Mary Design é uma coisa e a Mary Arantes é outra. Existe uma faixa no chão. Quando eu a atravesso, vou lá, experimento e volto para trás da faixa, que me coloca no lugar. Sou igual e vou morrer igual a todo mundo", finaliza.

Participam do evento:

A Dona da Casa
A Fabriqueta
Aluízio Casa
Ateliê MaCraft
Asas da Terra
Benedita Acessórios
Bonecaria.com
Bottane
Cacau Rocks
Cátia Magalhães
Com Tato
La Tour Crêperie
Criado em Apartamento
Cumbuca
Customizar
DILIS - Delícias Saudáveis
Ecolamps
EDD27
Estúdio Iludi
Evas do Paraíso
Flor de mim
Gabriel Dias
Gaby de Aragão
Gusto Mio
Ilustra
Juli Buli
Estúdio Juvenal Art & Design
LAB 31
Leticia Naves
Luís Matuto
Made in Beagá
Mary Design
Mobri
Mirabilia Bordados
Noeh
O Armário de Sofia
Oficina Herthel
Pachamama "Ciclos do Sagrado Feminino"
Pano
Panoletos
Papel e Tudo
Passarim
Pasta Rossi
Pede Moleque
Pelicano
Piccola
Quintal 71
Saboaria Doce Banho
Samauma Marcenaria
Saracura Três Potes
Sônia Ledic
Tênue Origamis
Tipografia do Zé
Toffanetto
Trama Atelier
Tutu Brinquedos
Uma Floricultura
Ven.Do.Me handmade design
Ventura
Vergel Vida Saudável
YVY

Serviço:
Quermesse da Mary
11 e 12 de novembro
Sábado, de 10h às 20h
Domingo, de 10h às 17h
Rua Ivaí, 25, Serra
(31) 3055-0005
Entrada gratuita
Comentários Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação
600

Últimas Notícias

ver todas
09 de novembro de 2018
24 de outubro de 2018

No Lugar Certo você encontra o que procura