Marque na agenda!

Loja em BH celebra o Dia das Mães com opções de moda, arte e decoração

Na Aluízio Casa, no Santa Tereza, o evento Querida Mãezinha reúne propostas para homenagear as mães com bom gosto e muito estilo. Não tem como errar o presente

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

- AMIGO + AMIGOS
Preencha todos os campos.
postado em 18/04/2018 13:35 / atualizado em 18/04/2018 15:20 Joana Gontijo /Lugar Certo

Carlos Altman/EM/D.A Press

Mãe é ninho. Não importa quando, como, onde. É no seu afago que some o medo do mundo. Quando se aproxima o dia dedicado a homenageá-la, ainda que o amor constante ultrapasse a formalidade de datas, a vontade de traduzir tamanha gratidão parece que nunca cabe em um presente, qualquer que seja. Então, os filhos se aprontam em procurar a melhor maneira de retribuir o carinho a alguém tão importante, e pensar em um agrado para o lar, doce lar da mamãe pode ser uma ótima dica, ainda mais quando tem personalidade e significado.

Carlos Altman/EM/D.A Press

Na charmosa loja Aluízio Casa, na Praça Duque de Caxias, no Santa Tereza, em BH, as possibilidades de acertar em cheio a escolha são diversas, antes de tudo uma forma de reverenciar todas as mães. O espaço abre as portas para o evento Querida Mãezinha, exclusivamente preparado para a ocasião, realizado todos os sábados até 5 de maio. São artigos de ornamentação para a casa, além de moda e estilo.

Carlos Altman/EM/D.A Press

"Toda mãe é única, toda mãe é especial, é feita de amor, emoção, ternura e compaixão. Amor de mãe não se mensura, amor de mãe é indefinido. Por essa razão, essa data deve ser muito celebrada, porque muita gente só percebe a falta que a mãe faz quando ela já não está mais por perto. Todo dia é dia das mães. Mas, se existe a data, que seja comemorada com muito amor e carinho", diz o proprietário, o artista plástico Aluízio Figueiredo.

Carlos Altman/EM/D.A Press

No ambiente de entrada da construção antiga que abriga a loja, a bancada repleta com a beleza das imagens sacras customizadas e a riqueza colorida das flores e pássaros, de cara é o convite de impressionante bom gosto para ir descobrindo o que mais tem ali. Na sala ao fim do corredor, o espaço celebra a graça do universo feminino. Estão dispostos acessórios, como colares, pulseiras e brincos - tanto em uma linha com banho de cobre, com pedras em desenho alternativo e pegada jovem, quanto bijus feitas artesanalmente em tecidos e miçangas coloridos -, carteiras, lenços, óculos, relógios, bolsas e chapéus, e ainda as araras separadas para um brechó, que também ocupam uma sala anterior, com roupas e sapatos. Cada item mais lindo que o outro, e com preços que cabem no bolso.

Carlos Altman/EM/D.A Press

No altar montado no recinto que recepciona os clientes, os santos católicos dividem a atenção com imagens de orixás, catrinas mexicanas e pequenos oratórios. Ainda no caminho da fé, as variações de Divinos, menores e maiores, são outro destaque que abusa do bonito casamento entre o ferro e a pérola, uma marca registrada de Aluízio. Os espelhos com moldura retrô são outra ideia para agraciar as mamães, assim como os cachepôs, bandejas e coleções de louças. Harmonizando a composição com os vasos, vários tipos de pássaros em porcelana e gaiolas customizadas aumentam o leque para os filhos. A novidade fica por conta dos terrários e o conjunto para plantio de um trevo de quatro de folhas, que inclui um mini vaso, substrato e o bulbo.

Carlos Altman/EM/D.A Press

Os produtos recorrentes da Aluízio Casa não perdem em elegância. Quem for à loja tem à disposição, entre outros: flores coloridas de miçanga; balancinhos; aromatizadores de ambiente; velas; porta-retratos de parede; porta-guardanapos; porta-chaves; folhas em porcelana para usar como comedouros para petiscos, pães e saladas; vidros e jarros; caixas; esculturas; luminárias; pratos e tábuas de frios; sousplats; taças pintadas à mão; jogos de xícaras de café e chá; caixas de fósforo decoradas; filtros dos sonhos produzidos em renda; vasos pendentes em forma de coração; garimpos de viagem e muito mais. Nas peças maiores, como esculturas de parede, são oferecidos descontos entre 20% e 50%.

Carlos Altman/EM/D.A Press

Para o Querida Mãezinha, a loja recebe a ceramista Ione Laurentys, com 40 anos de carreira nessa arte. Ela apresenta uma carta completa de utilitários em cerâmica, como consomês, queijeiras, sopeiras, canecas para chá e chocolate, saleiros, travessas, copos, xicaras de café, jarras de água, entre outros. Na gastronomia, o Café Divino Bistrô, há pouco inaugurado, já se firmou na preferência dos clientes com um cardápio para momentos agradáveis. O menu tem cafés, capuccinos, chás, sanduíches, drinques, bolos e doces. Seguindo a lista açucarada, o evento também traz bombons, trufas e outras guloseimas deliciosas, tudo feito com chocolate belga.

Carlos Altman/EM/D.A Press

Em 6 de maio, quando o bistrô completa um ano, a Aluízio Casa faz as vezes de anfitriã para o Tweed Ride, que tem concentração marcada na porta da loja a partir das 9h. O passeio de bicicleta revive o passado no roteiro pelo tradicional Santa Tereza. O grupo é o único na cidade que resgata o patrimônio histórico e a memória da capital mineira no trajeto sobre duas rodas. Os participantes se vestem inspirados nas épocas que mais apreciam e, para participar, basta chegar com uma bike, que não precisa ser antiga. "Convido a todos para estar comigo no aniversário do café, festejando esse momento junto com o evento do Tweed Ride", finaliza Aluízio.

Serviço:
Querida Mãezinha
Até 5 de maio, na Aluízio Casa 
Praça Duque de Caxias, 316, Santa Tereza
Aos sábados, entre 10h e 21h
(31) 3463-3111

Tags: decoração mães evento

Comentários Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação
600

Últimas Notícias

ver todas
21 de maio de 2018
15 de maio de 2018

No Lugar Certo você encontra o que procura