Residencial com toda a estrutura comercial

Belvedere atrai moradores que buscam conforto e qualidade de vida

Bairro localizado na Região Centro-Sul de Belo Horizonte é tido como um dos mais luxuosos do estado

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

- AMIGO + AMIGOS
Preencha todos os campos.
postado em 26/01/2015 10:00 / atualizado em 25/01/2015 13:52 Redação Lugar Certo /Estado de Minas
Cristina Horta/EM/D.A Press
Considerado um dos bairros mais luxuosos de Minas Gerais, o Belvedere, na Região Centro-Sul de Belo Horizonte, começou a ser urbanizado pelo arquiteto Ney Werneck na década de 1970. Formado por meio do loteamento de fazendas importantes da cidade, o bairro, apesar de ser residencial, conta com pontos comerciais que abastecem os moradores, como hospitais, faculdades, academias, farmácias, padarias, restaurantes, entre outros. Dotado de uma vista merecedora de elogios, por estar na região mais alta da cidade, chegando a 1,2 mil metros de altitude, o Belvedere tem o metro quadrado mais caro da capital mineira. Nesse período de calor intenso, os moradores são privilegiados, por contar com aproximadamente três graus a menos do que a temperatura do Centro da cidade.

De acordo com um dos diretores da Alianza Imóveis, Frederico Borges, imobiliária que atua no Belvedere há 13 anos, o preço do metro quadrado varia de acordo com o imóvel. Os lotes ficam entre R$ 1,5 mil e R$ 3 mil o metro quadrado (m²), e as casas variam entre R$ 3,5 mil e R$ 12 mil. Os apartamentos diversificam entre R$ 8,5 mil e R$ 11 mil. As salas comerciais e as lojas dentro de shopping chegam a ter o valor do metro quadrado entre R$ 8,5 mil e R$ 11 mil e as lojas com portas para rua chegam a custar entre R$ 15 mil e R$ 20 mil, o metro quadrado. “O motivo dessa variedade grande dos preços para imóveis já construídos depende muito da localização, do acabamento, da construtora e do que o empreendimento em si oferece de diferencial”, destaca.


Já os lotes têm valor diversificado devido à alta procura e à pouca oferta. “As famílias Bessone e Guimarães, que ficaram com a maioria dos lotes do Belvedere, optaram por não comercializá-los. Os terceiros, que também são donos de poucos lotes, às vezes os colocam à venda, mas com preços instáveis”, informa Borges.


Segundo José Francisco Cansado, diretor-presidente da Conartes Engenharia e morador do bairro há oito anos, o Belvedere já está pronto, não tendo mais disponibilidade de terrenos. Porém, investir no bairro ainda é uma boa opção. “Temos cinco empreendimentos, sendo quatro residenciais e um comercial. Nosso desejo é oferecer ao cliente todo conforto e tranquilidade que a região oferece”, afirma.

TRANQUILIDADE

Além de ser diretor de uma empresa localizada no bairro, Borges é morador do Belvedere há 34 anos e é como residente que ele afirma ser uma das melhores regiões para se morar. “Muita gente acha que aqui somos desprovidos de segurança, por isso temos muita casa à venda hoje. Por outro lado, vejo o Belvedere como o bairro mais seguro de BH para moradia. Ele não tem favela nas redondezas, além de contar com a segurança da Emive e da Polícia Militar durante rondas. Sem contar que aqui temos ruas mais largas”, explica.

Borges destaca ainda que o bairro não tem pontos de encontro noturnos para os jovens se divertirem. Os interessados nesse tipo de passeio precisam se deslocar para o bairro vizinho, Vila da Serra, em Nova Lima, que conta com boates, restaurantes e diversas casas de show.

Por estar na região mais alta da cidade, o bairro tem clima mais ameno que o Centro. Praça Lagoa Seca é utilizada pelos moradores para a prática de esportes  - Gladyston Rodrigues/EM/D.A Press
Por estar na região mais alta da cidade, o bairro tem clima mais ameno que o Centro. Praça Lagoa Seca é utilizada pelos moradores para a prática de esportes
Um dos principais locais do luxuoso bairro é a Praça Lagoa Seca, utilizada pelos moradores para a prática de esportes. O BH Shopping, tradicional centro de compras mineiro, também é uma opção para quem quer se divertir durante o dia. “Os moradores têm a oportunidade de usufruir da região. Gosto de passear com cachorro, de andar de bike, de dormir sem barulho, e esse é o perfil de quem compra imóveis aqui.” Por sua vez, José Francisco afirma que o bairro tem moradores de idades variadas, que gostam de conforto e prática de esporte. “Temos residentes de todas as idades, mas a maioria é de famílias com filhos adolescentes ou maiores, que buscam uma residência definitiva”, destaca.

MORANDO AQUI

José Francisco Cançado, diretor presidente da Conartes Engenharia e morador do bairro há oito anos


“Decidi morar aqui porque achei o Belvedere bonito, moderno, ruas largas, com uma grande oferta de comércio e serviços perto. Encontrei um prédio moderno, com ótima área de lazer. Considero que o bairro é uma espécie de academia a céu aberto, com ótimos lugares para caminhadas, corridas e prática de esportes diversos. Tudo isso integrado a um ambiente privilegiado, que proporciona uma bela vista de Belo Horizonte, por ser um dos pontos mais altos da cidade, e, ao mesmo tempo, próximo à natureza, com um ar mais puro que vem das montanhas de Nova Lima.”

Gladyston Rodrigues/EM/D.A Press

Comentários Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação
600

Últimas Notícias

ver todas
18 de outubro de 2018
15 de outubro de 2018

No Lugar Certo você encontra o que procura