Telhados de casas viram ruas em cidade iraniana

Carros são proibidos de entrar na comunidade de Masouleh, no Irã, que tem mais de mil anos

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

- AMIGO + AMIGOS
Preencha todos os campos.
postado em 07/05/2015 08:00 / atualizado em 06/05/2015 18:09 CorreioWeb /Lugar Certo

Reprodução/Internet/bmyshot
Uma comunidade iraniana chama a atenção de turistas de todo o mundo por causa de uma configuração peculiar. As casas de Masouleh, na encosta da montanha de Alborz, dependem umas das outras, já que a rua de um é o telhado de outro. A comunidade, com mais de 10 séculos de existência, tem aproximadamente 550 habitantes.

As edificações foram construídas para colaborarem entre si, por isso as ruas e os pátios superiores são os tetos das casas inferiores. A estrutura é feita de adobe, técnica que utiliza barro e palha ou pedaços de madeira, e para conservá-la é proibida a passagem de carros pelo local.

Reprodução/Internet/iranreview.org
Apesar da idade das construções, as casas resistem a altas e baixíssimas temperaturas. A localização elevada de Masouleh oferece o ar quente das montanhas. Isso leva a uma precipitação abundante de água, que garante densas florestas e rios jorrando na área.

Reprodução/Internet/commons.wikimedia.org
A primeira vila de Masouleh foi estabelecida a seis quilômetros a noroeste da aldeia atual, e é chamada de Antiga Masouleh. A comunidade já chegou a ser a Rota da Seda da região de Gilan, onde pessoas de longe e de perto se reuniam para negociar mercadorias, porém, nos últimos anos, houve uma migração para um centro comercial devido a desemprego e falta de renda. Hoje, Masouleh está caminhando para se tornar um destino turístico popular e a estrutura das casas é a principal atração.

Comentários Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação
600

Últimas Notícias

ver todas
29 de abril de 2018

No Lugar Certo você encontra o que procura