Design e natureza

Casa em Cingapura aproveita águas transparentes e plantas para ser refúgio de paz

Projeto lança mão de uma arquitetura aberta e fluida para propiciar momentos de descanso e relaxamento total

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

- AMIGO + AMIGOS
Preencha todos os campos.
postado em 13/12/2018 15:47 / atualizado em 13/12/2018 18:52 Joana Gontijo /Lugar Certo
Patrick Bingham-Hall

Com quase 900 metros quadrados, essa casa em Cingapura é um templo de relaxamento e paz. Paredes brancas, o frescor do verde e águas transparentes fazem da construção um verdadeiro refúgio para o jovem casal de moradores com seus três filhos. Arejada, para onde a visão aponta uma planta chama para a tranquilidade. O projeto é assinado pelos profissionais da Guz Architects e empreende um diálogo harmônico com a atmosfera tropical da região.

Patrick Bingham-Hall

A composição arquitetônica se distribui em dois pavimentos. Há varanda aberta com jardim e uma passarela no piso inferior abre o horizonte para o jardim e o pátio central. A orientação pelo terreno foi determinada para o usufruto máximo das brisas refrescantes e o vento tímido da localidade.


A natureza representada nas plantas, espalhadas por toda a residência, é um sopro de vida e cores. Marcante não somente na piscina em L, a água também forma no pátio central mini lagos que conversam com árvores no meio. A decisão por espaços dinâmicos para favorecer a brincadeira e a interação serve aos desejos dos filhos do casal. Daí surge um leiaute de aposentos abertos, ventilados, onde os jardins, a piscina e o telhado se unem perfeitamente ao meio ambiente do entorno.

Patrick Bingham-Hall

A Casa Willow lança mão dos processos do design passivo e aproveita a ventilação cruzada para resfriamento. “Nós queríamos que fosse uma casa com alma, então projetar espaços onde uma família pudesse conviver e interagir sempre fez parte do briefing. Esperamos que o design reflita isso. Tentamos desenhar a natureza ao máximo que podemos dentro ambiente urbano relativamente denso de Cingapura”, dizem os autores da obra.
Comentários Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação
600

Últimas Notícias

ver todas
18 de julho de 2019
15 de julho de 2019

No Lugar Certo você encontra o que procura