Comentários
600

Designer usa ilusão de ótica para criar luminárias incríveis; veja vídeo

Batizada Bulbing, peça concebe efeitos visuais inusitados, e tem várias opções de desenho

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

- AMIGO + AMIGOS
Preencha todos os campos.
postado em 04/12/2014 13:42 / atualizado em 23/01/2015 14:14 Redação /Bonde
Nir Chehanowski/Divulgação
Quem gosta de fuçar na internet pra achar links legais sabe que, de uns tempos pra cá, várias coisas 'rechonchudas' do universo tridimensional ganharam versão pra imitar o desenho feito no papel. Nessa onda, teve desde bolsas até móveis com cara de desenho animado, entre muitos outros objetos que a gente nem imagina que surgiram por aí.

O design desses produtos, claro, é questão de opinião. Mas fato é que eles não copiam uma das maiores vantagens do 2D. Aquela que faz toda a diferença em apês pequenos. Estamos falando da economia de espaço.

Foi pensando nisso que o designer Nir Chehanowski, do Studio Cheha, de Tel Aviv, Israel, resolveu fazer o inverso em seu projeto, chamado Bulbing. A preocupação não era reproduzir a 'cara de desenho', e sim ocupar tanto espaço em casa quanto uma folha de papel. E que objeto melhor que as luminárias, que disputam centímetros no criado-mudo, para serem assim?

Feitas em vidro acrílico, as luminárias criadas por Chehanowski dão a sensação de amplitude, parecem ocupar um grande espaço, mas na verdade têm apenas 5 milímetros de espessura.


Assista ao vídeo e veja que incrível:


Claro que tem outro motivo por trás da escolha desses acessórios. É que, na verdade, o truque do projeto Bulbing está justamente na lâmpada de LED, usada na armação que imita 3D, para criar a ilusão de ótica. Ou seja, além de espaço, elas também economizam energia.
Nir Chehanowski/Divulgação
Para financiar o projeto, Chehanowski usou uma iniciativa atual, aquela da "vaquinha virtual", sabe? Ele precisava de 12 mil libras para a execução. Sabe quanto foi arrecadado? Nada mais, nada menos do que 111.854 mil libras.

Tags: design

Anúncios do Lugar Certo

Outros artigos

ver todas
13 de dezembro de 2016
23 de fevereiro de 2016
25 de junho de 2015
17 de junho de 2015
09 de maio de 2015