Hora de o fosco brilhar

Acabamento em móveis com o padrão superfosco chega ao mercado brasileiro

Tendência na Europa, produto é elegante, moderno e proporciona conforto pelo toque suave e aveludado das peças

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

- AMIGO + AMIGOS
Preencha todos os campos.
postado em 21/08/2017 11:25 Lilian Monteiro /Estado de Minas
Móveis com acabamento fosco agregam personalidade a qualquer mobiliário e em qualquer ambiente, além de permitir criar composições leves e amenas que vão muito além da estética - Rauvisio Sky/Divulgação Móveis com acabamento fosco agregam personalidade a qualquer mobiliário e em qualquer ambiente, além de permitir criar composições leves e amenas que vão muito além da estética

Num primeiro momento, pode até causar dúvida, mas o acabamento superfosco em móveis de alto padrão é tendência que invade o mercado de decoração. Ele agrega personalidade a qualquer mobiliário e em qualquer ambiente. Maiquel de Carvalho, gerente de projetos da REHAU no Brasil, empresa de origem alemã e presente em 54 países, afirma que as superfícies superfoscas trazem elegância e suavidade ao ambiente. Por combinar muito bem sofisticação e discrição, ele cria composições leves e amenas que vão além da estética. Esse tipo de acabamento quer trazer a sensação de bem-estar criando um ambiente agradável.

Maiquel de Carvalho explica que as superfícies rauvisio (criada pelo uso de um filme polimérico de alta qualidade) são fáceis de limpar e têm proteção UV, o que previne a peça contra o amarelamento ao longo do tempo. “Além disso, com a tecnologia air+, as fitas de borda se fundem ao painel, resultando em um acabamento de alto padrão, com juntas imperceptíveis. Isso é muito relevante não só pela aparência, mas também por evitar o acúmulo de sujeita em cantos e bordas, sendo assim uma solução funcional do ponto de vista da limpeza e também mais duradoura. Devido à tecnologia utilizada e ao criterioso processo produtivo, essa é uma solução de alto padrão e, ao mesmo tempo, tem ótima relação custo/benefício para o consumidor”, afirma.

Recentemente, temos visto a forte influência do estilo industrial na decoração, remetendo à Nova York da década de 1970 e ao aparecimento dos lofts que tomaram os antigos galpões, transformando-os em um novo conceito de morar. “As superfícies superfoscas levam toque e suavidade ao estilo quase espartano daquela época, marcado por estruturas metálicas aparentes, paredes de concreto e materiais brutos como o aço. Seja para um ambiente mais sóbrio ou colorido, o rauvisio sky tem uma paleta de cores de alta tendência que dá muita liberdade de criação para diversos tipos de projetos. Além de misturar cores, ainda é possível mesclar texturas e diversos graus de brilho (o que altera a intensidade do fosco), já que essa linha é versátil e não se limita a uma composição inteiramente superfosca. É difícil errar com essa superfície porque ela pode estar em todos os móveis ou em detalhes específicos do espaço.”

ÁREA MOLHADA

Maiquel de Carvalho enfatiza que as superfícies superfoscas viraram tendência e invadiram todos os ambientes da casa e mesmo do trabalho. Portanto, não existe regra. “A escolha fica a critério das sensações cromáticas que a pessoa quer dar para aquele espaço. É importante destacar que ela também funciona na cozinha e no banheiro, mesmo nas áreas molhadas, como a pia, por exemplo.” Ele destaca que “as superfícies foscas têm encontrado muita receptividade em áreas mais íntimas e reservadas da casa, como quarto e escritórios, já que são ambientes propícios ao toque agradável e atmosfera aconchegante”.

Rauvisio Sky/Divulgação

O gerente de projetos conta que as soluções para mobiliário da REHAU são criadas na Europa e seguem os grandes centros de tendência em design e decoração do mundo. Isso reflete em acabamentos, cores e materiais que levam inovação e estilo a todos os ambientes. “A linha sky traz sete cores, que dão muita liberdade de escolha. O cinza é o novo neutro e ainda tem espaço para crescer no mobiliário. Por isso, existem três tons acinzentados (kaschmir, graunbraun e lava), além do branco (weis) e do preto (black), cores-chave para qualquer tipo de combinação.” Para projetos mais ousados, ele conta que há cores como o azul profundo (índigo) e marsala (vino). Já as cores neutras (como kaschmir, graunbraun e lava) trazem equilíbrio e concentração. Na cartela, para quem preferir, há cores frias (como o índigo) e os tons terrosos e quentes (como o vino), que são mais comuns quando o ambiente requer um pouco mais de conforto e aconchego.

Vale destacar que o acabamento superfosco é resistente ao calor e à umidade, assim como ao empenamento. Tem um filme polimérico de alto padrão que oferece boa resistência a riscos. A limpeza da superfície é fácil e descomplicada, bastando apenas um pano úmido e sabão neutro. O cliente mineiro tem acesso aos produtos da marca. “A REHAU cobre todo o território brasileiro e Minas não poderia ficar de fora. Para saber onde encontrar, basta acessar o site www.rehau.com.br. Temos uma equipe em Belo Horizonte pronta para dar todo o suporte e informação”, diz.

Rauvisio Sky/Divulgação

Às vezes, fica a dúvida se o mobiliário fosco é luxuoso e caro. Maiquel de Carvalho diz que tudo depende do projeto, já que a mesma superfície pode perfeitamente compor um ambiente luxuoso ou minimalista. A decoração como um todo é que vai dar o toque e o estilo ao ambiente. O rauvisio sky é versátil em sua essência, adaptando-se a diferentes tipos de projeto.
Comentários Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação
600

Últimas Notícias

ver todas
20 de novembro de 2017
14 de novembro de 2017

No Lugar Certo você encontra o que procura