Conheça os parklets, as intervenções urbanas temporárias que renovam espaços públicos

Extensões já fazem parte da capital paulista e podem inspirar áreas de convívio em outras cidades

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

- AMIGO + AMIGOS
Preencha todos os campos.
postado em 29/09/2014 09:00 / atualizado em 13/03/2015 14:26 CorreioWeb /Lugar Certo
Divulgação
Os parklets são extensões urbanas temporárias que promovem a ocupação dos espaços públicos. Com objetivo de melhorar a infraestrutura da cidade e o convívio entre as pessoas, as intervenções são normalmente feitas de madeira e equipadas com bancos para a população descansar, ler ou reunir os amigos. Em alguns parklets, áreas verdes são fundamentais para propor conforto e servir como vagas para bicicletas.
Divulgação
Montados na beira da calçada, os parklets têm virado febre no mundo todo e já fazem parte da capital paulista, que abrigou o primeiro modelo de parklet no Brasil, em 2012. Este ano, no mês de agosto, foi instalado o sexto parklet em São Paulo, no bairro Paraíso. O espaço foi instalado em duas vagas de estacionamento para carros em uma via pública, onde podem parar, em média, 40 veículos por dia. Além disso, transitam na área cerca de 400 pessoas diariamente.
Divulgação
A discussão pela melhoria da qualidade de vida é um dos itens que influenciam a criação das extensões temporárias. As ações também contam com a participação popular, que permite que a comunidade construa seu próprio espaço de convívio, de acordo com as características locais. A medida também melhora as paisagens urbanas e transforma a vida de quem transita nos espaços diariamente.
Divulgação
No site de Gestão Urbana da Prefeitura de São Paulo, é possível encontrar um manual de implementação, um infográfico e em breve será lançado um um mapa interativo com os parklets da cidade, em que própria população pode se manter atualizada com novidades e manutenção.
Divulgação
A ideia começou em São Francisco, através do projeto da ítalo-brasileira Suzi Bolognese, em 2003. Na época, a inciativa da designer rendeu o prêmio Green Innovative Design. Com isso, as extensões começaram a se espalhar por inúmeras cidades, como Fortaleza, Chicago, Los Angeles, Londres e Cidade do Cabo.

Parklet em Chicago, nos EUA:
Divulgação

Em Vancouver, no Canadá:
Divulgação
 
Na Cidade do Cabo, na África do Sul:
 
Divulgação
Parklets em outras cidades:
Divulgação

Divulgação

Divulgação

Comentários Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação
600
 
Rafael - 29 de Setembro às 14:19
Aqui em BH isso vai virar abrigo pra mendigo, infelizmente. Ninguém cuida de um simples gramado na pracinha, vão cuidar de parklets???

Últimas Notícias

ver todas
17 de junho de 2018

No Lugar Certo você encontra o que procura