Um gourmet para chamar de seu

Áreas para encontros gastronômicos em casa se popularizam e mudam a forma de receber

Espaços de convívio ganharam status na maioria dos empreendimentos novos, principalmente nos apartamentos. Revestimentos, iluminação e objetos fazem toda a diferença no ambiente que cada vez mais ganha o exterior da casa

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

- AMIGO + AMIGOS
Preencha todos os campos.
postado em 29/10/2013 09:00 / atualizado em 29/10/2013 11:36 Carolina Cotta /Estado de Minas
Alguns detalhes podem tornar esses espaços ainda mais propícios à interação entre os convidados, como neste projeto de Valéria Leão e Marli Viana - Divulgação/Dekor Design Alguns detalhes podem tornar esses espaços ainda mais propícios à interação entre os convidados, como neste projeto de Valéria Leão e Marli Viana

Churrasco sim, mas também muita pizza saindo do forno a lenha. A popularização dos espaços gourmet, que levaram o fogão até para as varandas de apartamentos, promoveu novos formatos de receber: a sala de jantar deu lugar a mesas mais informais, características que a decoração precisa acompanhar. A valorização desse espaço de confraternização com amigos e familiares inspirou também as cozinhas externas e áreas de churrasqueiras. Não é porque estão do lado de fora que elas não merecem todo o cuidado dispensado a outros cômodos.

Segundo Valéria Leão, que com Marli Viana forma a dupla à frente do Dekor Design, a conotação de área de churrasco e espaço gourmet mudou um pouco com o passar dos anos. “A área de churrasco normalmente é feita na parte de lazer, ou na área externa da casa, traduzindo mais descontração. Já o espaço gourmet é interno, ou ocupa uma varanda, no caso de apartamentos. Para ele, o cliente busca um clima mais sofisticado, com uma decoração elaborada para receber amigos, em uma situação mais intimista”, diz Valéria, que é designer de interiores.


Se o objetivo é receber, que isso seja feito da melhor forma possível. E alguns detalhes podem tornar esses espaços ainda mais propícios à interação entre os convidados. Segundo Marli, a escolha acertada do revestimento pode garantir aconchego e até alegria ao espaço. “A iluminação do ambiente também é muito importante, pois é capaz de traduzir a atmosfera de acolher as pessoas.” Com a redução dos espaços, consequência de uma diminuição no tamanho dos imóveis, as áreas de circulação precisam ser otimizadas. “Para isso, conseguimos bons resultados com mobiliários sob medida”, ensina Marli.

Mas não basta ficar apenas funcional. Segundo as designers de interiores, os clientes hoje querem espaços cada vez mais distintos, com decoração elaborada e revestimentos nobres. É nesse contexto que surgem, a cada dia, novos modelos de churrasqueiras, fornos e coifas. Há quem recorra à realidade de outros países – como as churrasqueiras de grelha, tão comuns nos Estados Unidos. É nessa mesma linha que também está na moda uma volta ao passado: fornos e fogões a lenha ganham cada vez mais destaque em áreas externas. Tem muito brasileiro trocando o churrasco pela pizza.
Área em casas também é valorizada, com acabamento de bom gosto e funcional - Juarez Rodrigues/EM/D.A Press - 5/7/13 Área em casas também é valorizada, com acabamento de bom gosto e funcional

Segundo Valéria e Marli, uma boa dica para criar uma área de lazer agradável é pesquisar primeiro o uso de revestimentos. “O piso deverá combinar com a decoração, mas também ter ação antiderrapante e ser de fácil limpeza. Se houver condições, é indicada uma boa iluminação, natural de preferência, pois proporciona a sensação de conforto e dá leveza ao ambiente”, afirma Marli. A especialista ainda sugere, para as bancadas, materiais com pouca absorção de gordura, como as pedras industrializadas tipo ecoarte ou similares. Se o ambiente é para cozinhar, conforto térmico deve ser uma preocupação. Segundo Valéria, isso pode ser resolvido com coberturas e materiais adequados. “Um pergolado, por exemplo, ajuda a reduzir a incidência solar sobre o espaço”, sugere Valéria.
Ambiente de Denise Vilela na edição deste ano da Casa Cor em BH - Thiago Ventura/EM/D.A Press Ambiente de Denise Vilela na edição deste ano da Casa Cor em BH

ANOTE AS DICAS

» A área gastronômica deve ser dividida em três partes: quente (churrasqueira, forno e fogão), molhada (torneiras e pias) e gelada (geladeira e freezer). A primeira e a última devem ficar o mais distante possível uma da outra;
» A bancada de preparo dos alimentos deve ficar perto da churrasqueira, forno ou fogão para facilitar o processo de manuseio;
» Mesa grande e cadeiras confortáveis incentivam a interação e são, portanto, essenciais em espaços como esse;
» Se a área de churrasqueira ou o espaço gourmet forem em uma sacada, é bom fechar o espaço com vidro para chuva alguma atrapalhar o programa;
» Vasos de tempero em jardins verticais podem compor o ambiente, mas as plantas devem ficar longe das fontes de calor.

Tags: imóvel

Comentários Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação
600

Últimas Notícias

ver todas
08 de julho de 2019
02 de julho de 2019

No Lugar Certo você encontra o que procura