Bar na África do Sul convida a encontrar os amigos dentro de árvore milenar

Pub foi construído no interior do tronco de um baobá de mais de 40 m de circunferência e origem anterior ao nascimento de Cristo

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

- AMIGO + AMIGOS
Preencha todos os campos.
postado em 31/01/2014 11:25 / atualizado em 31/01/2014 11:38 Joana Gontijo /Lugar Certo
Hannes Steyn/Reprodução/Flickr
Imagine curtir um descontraído encontro com os amigos dentro de uma árvore, literalmente. Parece uma experiência bastante improvável, não é? Mas em uma pequena cidade africana esta é uma possibilidade real. Construído no interior do tronco de um dos exemplares mais surpreendentes e antigos do baobá, este bar proporciona momentos de diversão de uma forma muito especial.


Neil McCartney/Reprodução/Flickr
A árvore, datada de aproximadamente 6 mil anos, tem 20 metros de altura e 47 metros de circunferência, um recorde para a espécie. A ideia de inaugurar o Sunland Baobab Pub teve origem em 1993, quando a família Van Heerden, proprietária do terreno a 20 quilômetros da famosa floresta Modadji, começou a retirar o centro oco da árvore. Agora, o pub é uma das principais atrações da região de rica beleza natural perto de Modjadjiskloof, na África do Sul, e um dos únicos estabelecimentos deste tipo no mundo.

Com balcão, mesas e bancos de madeira, e equipada com sistema de som, a parte interna da icônica planta, não muito espaçosa, acomoda com conforto 15 pessoas, mas já reuniu 60 na ocasião de uma festa. Em outro buraco do tronco, foi instalada uma adega que mantém temperatura constante de 22º C, ventilada por aberturas originais. Pelo lado de fora, a generosa sombra do baobá foi aproveitada para proteger a área também usada pelos donos para servir refeições.

South African Tourism/Reprodução/Flickr
À estrutura do bar, que fica incrustado em uma localidade agraciada por cristalinas cachoeiras e um parque preservado, foi adicionado um conjunto de hospedaria, com chalés e bangalôs, piscina de água mineral, spa, e opções para práticas esportivas, além da proximidade com o clube campestre que tem um campo de golfe de 18 buracos.
Hannes Steyn/Reprodução/Flickr

Tags: árvore

Comentários Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação
600
 
Marcos - 31 de Janeiro às 16:05
Será que o baobá resistirá ou será o começo do seu fim?

Últimas Notícias

ver todas
16 de dezembro de 2018
15 de dezembro de 2018

No Lugar Certo você encontra o que procura