Antiga torre de água dá lugar a habitação inusitada no Reino Unido

A "Casa nas Nuvens" é uma simpática residência que reaproveita caixa d'água desativada e mostra a criatividade dos arquitetos

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

- AMIGO + AMIGOS
Preencha todos os campos.
postado em 12/06/2014 10:28 / atualizado em 25/06/2014 15:02 Joana Gontijo /Lugar Certo
Karen Roe/Divulgação
Quando uma torre de água deixa de ter sua finalidade original, pode se transformar em um local feio e sem função. Porém, muitas vezes essas estruturas carregam uma importância histórica e cultural na região onde estão instaladas. Para acabar com este dilema, entra em cena a criatividade de arquitetos e urbanistas. Reaproveitando antigas caixas d'água, projetos inovadores dão nova vida a estas construções que se tornam confortáveis moradias com propostas, no mínimo, inusitadas.

Chamada de Casa nas Nuvens, esta torre em Thorpeness, Suffolk, Reino Unido, é um famoso ponto turístico da região. Construída pela companhia de engenharia Braithwaite de Londres em 1923, o edifício de 21 metros de altura tinha a finalidade de abastecer a aldeia. Seu tanque de água era capaz de armazenar 50 mil litros, e bombeava 1,8 mil litros por hora a partir de um poço.


Desde quando foi planejada, a intenção dos autores da obra era deixar a estrutura com um aspecto um pouco melhor do que simplesmente um monte de concreto destoante à natureza. Assim, a caixa d'água, que era considerada uma monstruosidade, foi disfarçada como uma casa.

Com o tanque aninhado na parte superior, os andares abaixo eram aproveitados como alojamento, e até chegaram a abrigar uma família. Em 1977, o prédio finalmente abandonou o propósito inicial e se tornou propriedade privada, passando às mãos de um dos arquitetos que o projetou, Glencairne Stuart Ogilvie. Neste momento, os alojamentos foram substituídos por quartos.


Hoje, a estrutura se transformou em uma verdadeira habitação, com cinco quartos e três banheiros. A casa no topo do edifício é acessível através de escadas e inclui uma sala de jogos com mesas de bilhar e ping pong. A partir de apenas R$ 7 por semana, visitantes podem aproveitar a casa de campo nas nuvens para uma temporada de férias, claro, se a altura não for um obstáculo.

Tags: arquitetura

Comentários Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação
600

Últimas Notícias

ver todas
14 de agosto de 2018
13 de agosto de 2018