NEGÓCIOS

Programa de indicações de imóveis para aluguel gera renda extra

O projeto tem propiciado o aumento da renda mensal por meio de um valor extra adquirido. Em meio à pandemia, reforço financeiro é bem-vindo

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

- AMIGO + AMIGOS
Preencha todos os campos.
postado em 07/08/2020 16:29 / atualizado em 10/08/2020 08:02 Jéssica Mayara*
Imóveis para aluguel surgiram como uma forma de renda extra, a partir da criação dos programas de indicações do QuintoAndar - QuintoAndar/Divulgação Imóveis para aluguel surgiram como uma forma de renda extra, a partir da criação dos programas de indicações do QuintoAndar

Cerca de R$ 2,2 milhões já foram gerados, em forma de renda extra, pelos programas de indicações de imóveis da imobiliária digital QuintoAndar, de acordo com a empresa. E isso só em 2020.

Em meio à pandemia, as plataformas surgiram como uma forma ainda mais valorizada de completar a renda, tendo em vista a crise financeira decorrente da paralisação de diversas atividades, em função das medidas de segurança.

“Esses projetos se tornaram ainda mais relevantes entre os meses de março e junho, quando muita gente teve redução no orçamento por conta da pandemia do novo coronavírus. Só nesse período, os programas pagaram mais de R$1,3 milhão em incentivos”, explica a head de marketing do QuintoAndar, Flávia Mussalem. 

Flávia elucida, ainda, que os planos de indicações funcionam em dois âmbitos diferentes, a fim de contemplar, separadamente, a população de modo geral e os profissionais da linha de frente de condomínios, como porteiros, síndicos e zeladores. Dessa forma, duas plataformas foram criadas, a IndicaAí, na qual qualquer pessoa pode se inscrever, e a Parceiros da Portaria, dedicado aos funcionários de prédios e demais condomínios. 

“Para participar do IndicaAí, basta acessar o site do programa e incluir as informações básicas de um imóvel disponível. A partir daí, entramos em contato com o proprietário e, se o imóvel for anunciado na plataforma, a pessoa que o indicou recebe R$ 100. Quando o imóvel for alugado pelo QuintoAndar, a pessoa recebe 10% do primeiro aluguel”, destaca. 
 
[BLOCKQUOTE1] 

Já no Parceiros da Portaria, o contato precisa ser feito via WhastApp, pelo número (11) 93305-8555, por porteiros, síndicos ou zeladores, indicando um imóvel disponível para locação residencial. “Posteriormente, um dos especialistas da empresa fará o contato com o proprietário e, se o imóvel for anunciado na plataforma, a pessoa que o indicou recebe R$ 100. Quando ele for alugado, o profissional recebe mais R$ 300.” 
 
Flávia Mussalem, head de marketing do QuintoAndar - QuintoAndar/Divulgação Flávia Mussalem, head de marketing do QuintoAndar
 
Mesmo se tratando de um projeto destinado a produzir renda extra para os seus participantes, a head de marketing do QuintoAndar pontua que, em alguns casos, o valor recebido no projeto se configura como a maior parte da receita.

“Essa é uma forma de renda extra, porque as indicações podem ser feitas a qualquer momento que a pessoa quiser, e o valor recebido consegue ajudar e ampliar o orçamento por meio do dinheiro recebido, mas, muitas vezes, esse valor acaba se tornando a ‘fatia’ maior da renda”, diz. 

Além do fator financeiro para quem indica o imóvel, Flávia destaca que o projeto tem sido importante para ajudar a encontrar mais imóveis disponíveis para alugar, não beneficiando somente a empresa, mas, também, aquele que está à procura de um lugar para morar. 

* Estagiária sob a supervisão da editora Teresa Caram 

Tags: Program de indicações renda extra novo coronavírus imóveis aluguel quintoandar pandemia economia

Comentários Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação
600

Últimas Notícias

ver todas
08 de setembro de 2020
03 de setembro de 2020

No Lugar Certo você encontra o que procura