Corretor é peça fundamental no mercado

Profissional exerce papel decisivo nas transações imobiliárias e profissão completa hoje 53 anos de regulamentação

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

- AMIGO + AMIGOS
Preencha todos os campos.
postado em 27/08/2015 10:20 / atualizado em 27/08/2015 11:30 Augusto Pio /Estado de Minas

O auxílio de um bom corretor na compra e venda de um imóvel é imprescindível para todos os envolvidos na negociação. A verdade é que esse profissional pode ajudar na organização e intermediação da compra, locação, permuta, venda e incorporação, além da conferência dos documentos necessários para a transação, seleção e apresentação de imóveis para a visitação do público, bem como do projeto desenvolvido e dos arredores do imóvel. Os dados evidenciam o bom momento da categoria, que hoje completa 53 anos de regulamentação e tem sido mais valorizada. O corretor de imóveis e seu papel decisivo em transações imobiliárias ganham cada vez mais respeito e importância no país.

A profissão surgiu no começo do século 20 e foi criada pela necessidade de existir um intermediador no processo de compra e venda de imóveis. A Lei 6.530/78 deu nova regulamentação à profissão, pois nela estão contidas todas as informações necessárias para que se desenvolva um trabalho com ética e respeito às partes envolvidas em uma intermediação imobiliária. Desde então, no dia 27 de agosto, é comemorado o Dia do Corretor de Imóveis. À primeira vista, muitos têm a impressão de que o corretor é aquela pessoa que fica em um plantão de lançamento, aguardando clientes para negociar uma proposta e servir um café, mas não é bem assim. É muito mais que isso.

Quinho /EM/D.A Press

Nos últimos anos, a atividade de corretor cresceu acompanhada pela evolução do mercado. De acordo com pesquisa feita pelo Conselho Federal de Corretores de Imóveis (Cofeci), na última década, cerca de 60 mil profissionais ingressaram no mercado de trabalho. Durante o censo, descobriu-se que hoje há mais mulheres trabalhando como corretoras e que o nível de escolaridade está cada vez mais alto. A pesquisa também revelou a crescente participação dos jovens, o que provocou uma redução na média de idade da categoria, que hoje é de 39 anos.

CAPACITAÇÃO De acordo com Luiz Antônio Rodrigues, presidente da LAR Imóveis, com 37 anos de mercado, é preciso investir nos profissionais e torná-los a cara da empresa. Afinal, são eles que lidam diariamente com o cliente. Ele ressalta que, diante de tamanha importância desse profissional, a LAR Imóveis investe cada dia mais na capacitação de seus atuais 51 corretores. Além disso, são preparados para atuar como consultores nas vendas, com visão especializada do negócio.



O empresário destaca ainda que a realidade do mercado profissional no segmento imobiliário mudou muito com o passar dos anos. “Hoje, não há espaço para amadorismo. Muitas pessoas têm uma visão equivocada de quem atua nesse setor, pensando sempre em aposentados ou em quem está no mercado por falta de melhores opções de emprego. Nossos profissionais são consultores imobiliários, altamente capacitados e treinados, com a função de orientar as pessoas para os melhores negócios, com boa aplicação de capital, utilizando as mais modernas técnicas profissionais e atuando dentro dos aspectos comerciais, jurídicos e financeiros.”

Para José de Filippo Neto, diretor da D-Filippo Netimóveis, a carreira de corretor vive um grande momento. O atual possibilitou ao corretor dar um grande passo, pois a profissão passou a ser cobiçada. Hoje, com ganhos atrativos, vários profissionais graduados se tornaram corretores, o que também obrigou aqueles que estavam relativamente acomodados a procurar se qualificar e, principalmente, se legalizar junto ao conselho Creci.

Um dos fatores que explicam a expansão são as práticas de incentivo adotadas por algumas imobiliárias. Além de cursos de graduação e pós-graduação, empresas como a Rede Netimóveis estimulam seus colaboradores à ascensão profissional por meio do plano de carreira. “O sucesso do corretor é fruto de dedicação, talento e incentivo da rede, que oferece o programa Plano de Carreira Netimóveis (PCN), um projeto interno no qual os colaboradores podem cadastrar suas atividades, como atendimento a clientes, visitas para conhecer os imóveis, vendas, captações, consultar sua pontuação obtida com os cadastros realizados e quem está em destaque. Além de o colaborador se sentir prestigiado, o plano é uma forma de manter o ritmo de trabalho.

Tags: corretor imóveis corretor de imóveis

Comentários Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação
600

Últimas Notícias

ver todas
15 de julho de 2018

No Lugar Certo você encontra o que procura